QUE DAREI EU AO SENHOR ?

Gratid%C3%A3o

Sl 116

12 Que darei eu ao SENHOR, por todos os benefícios que me tem feito?

O salmista tem um coração agradecido a Deus pelos benefícios que Deus lhe concedeu. Benefício é favor, graça. Deus lhe abençoou, então ele faz a pergunta: que darei eu ao Senhor? Talvez certa mentalidade de “barganha com Deus” tenha passado pela mente do salmista, porém percebemos que o sentimento de barganha cedeu o espaço para o espírito de gratidão. Ele estava grato a Deus por isto compôs este salmo. Mas por que ele estava grato? Ao lermos o salmo 116 percebemos algumas razões.

Ele estava agradecido a Deus pelas repetidas respostas as suas orações:

1 AMO ao SENHOR, porque ele ouviu a minha voz e a minha súplica.

2 Porque inclinou a mim os seus ouvidos; portanto, o invocarei enquanto viver.

Ele estava agradecido pelos livramentos de morte:

3 Os cordéis da morte me cercaram, e angústias do inferno se apoderaram de mim; encontrei aperto e tristeza.

4 Então invoquei o nome do SENHOR, dizendo: Ó SENHOR, livra a minha alma.

8 Porque tu livraste a minha alma da morte (…).

Ele estava grato pelo livramento do abatimento emocional.

(…) fui abatido, mas ele me livrou (v.6).

(…) os meus olhos das lágrimas (v.8).

Ele estava grato pelo poder de Deus que o capacitou a superar as tentações:

(…) os meus pés da queda (v.8).

Diante desses feitos de Deus em sua vida o salmista pergunta: Que darei eu ao SENHOR, por todos os benefícios que me tem feito? Vejamos as três respostas que o salmista encontrou:

Primeira resposta: tomarei o cálice da salvação.

13 Tomarei o cálice da salvação (…)

Ele faz referência ao copo de vinho, que faz parte da celebração da Páscoa, que por sua vez, relembra o dia no qual os israelitas foram salvos da escravidão do Egito, o qual para com o crente é o dia em que Cristo nos salvou da escravidão pela Sua morte expiatória na cruz. Portanto, o coração grato deve sorver, entranhar-se da salvação concedida por Deus através de Jesus Cristo.

Segunda resposta: invocarei o nome do Senhor.

V. 13 (…) invocarei o nome do SENHOR.

Percebemos que a oração que ele se refere é toda gratidão a Deus. A gratidão para ele não era um adendo, um corpo estranho que é enxertado na oração no finalzinho, mas a razão de ser daquela oração é a gratidão pelos favores de Deus.

Terceira resposta: pagarei os meus votos de forma pública.

14 Pagarei os meus votos ao SENHOR, agora, na presença de todo o seu povo.

Nota-se que anteriormente, enquanto passava pelo aperto, ele prometeu algumas ofertas para Deus. Portanto, havia nele anteriormente uma mentalidade de “barganha” com Deus, do tipo: “se me abençoares farei isto ou aquilo”. Entretanto, ele entendeu que Deus lhe concedeu um favor, ou seja, uma graça. Assim, ele não cumpriria mais os votos por causa do “espírito de barganha”, mas por gratidão. É por que somos gratos a Deus que devemos cumprir os votos. É por gratidão a Deus que ofertamos. A gratidão tem que vencer o “espírito de barganha”, de amargura e murmuração.

Seja você grato a Deus todos os dias e pergunte-se a si mesmo: Que darei eu ao SENHOR, por todos os benefícios que me tem feito? Sabendo que por mais que você retribua não chegará à altura do favor de Deus, que nos abençoa por graça. O que importará a Deus é a gratidão como força motivadora para as suas ações em prol do reino de Deus e do próximo.

(O autor do artigo é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).

About these ads

10 Respostas para “QUE DAREI EU AO SENHOR ?

  1. Exatamente! Devemos ser gratos a Deus, pelo que Ele é em primeiro lugar, e isso acima de toda e qualquer circunstância! Além disso, também devemos ser gratos pela Sua Misericórdia, Sua Graça e por todas as suas Bençãos !!!!

  2. Sou grata ao Senhor por tudo o que ele é, por tudo o que tem feito em minha vida,

  3. Luciano Pinto Pedrosa

    Essa pergunta que o salmista fez é simples de responder, porém difícil de cumprir com a resposta. O salmista deu três resposta bastante sábias nos versículos 13 e 14 do referido salmo, que são bastantes relevantes, contudo, DEUS através de sua PALAVRA nos pede simplismente que sejamos O B D I E N T E. Obdiência é o caminho para chegarmos e agradarmos a DEUS, Obdeça a sua PALAVRA e você será abençoado eternamente, é só isso que ELE quer, pois não precisa de nada, porque é dono do ouro, da prata, da nossa alma,da eternidade e sempre diz, EU SOU.

  4. Flavio Marques dos santos

    Graça e paz ! essa ministração veio direto do trono de Deus para nossos corações que Deus possa continuar te abençoando
    .

  5. Abraão, após libertar seu sobrinho Ló e sua família de um sequestro, deu o dízimo de tudo ao ser confrontado com esta pergunta: Que darei ao Senhor? E após muitas outras vitórias que obteve em sua vida, o próprio Deus lhe pediu uma dádiva: o seu filho Isaque! Ana, a esposa de Elcana, após v encer sua esterilidade, ao deparar-se com essa pergunta, deu a bênção tão sonhada e desejada que recebera do Senhor: o seu filho Samuel! Apenas um, dos dez leprosos purificados por Jesus, respondeu a esta indagação ‘QUE DAREI AO SENHOR….?’ Eu e você, precisamos também responder a esta pergunta apresentada e respondida pelo rei e salmista Davi: ‘QUE DAREI AO SENHOR, POR TANTOS BENEFÍCIOS QUE ELE NOS TEM FEITO E ESPECIAL O BENEFÍCIO VICÁRIO AO DAR SEU FILHO UNIGÊNITO PARA NOS SALVAR?
    A minha resposta a esta pergunta é a prática diária de 1 João 3.16

  6. O salmista estava grato à Deus, por todos os livramentos que o Senhor lhe proporcionara. Por exemplo: de morte, de tristeza, angústias, pela superação às tentações, à que ele havia sido submetido. e principalmente, pela graça de Deus em sua vida. Agora, ele queria encontrar uma maneira, de dizer à Deus da sua gratidão; e a ùnica maneira foi estreitar, o seu relacionamento com Ele “tomar o cálice da salvação” ou seja; ser ainda mais fiel a Deus. Mas ele quiz exteriorizar este sentimento. Resolvendo assim, convocar o povo de Deus, e junto à eles pagar os seus votos. “Pagarei os meus votos ao Senhor, agora, na presença de todo o seu povo”. Ao Senhor, Deus todo poderoso e fiel,toda honra ,toda glória e todo o louvor. À paz do Senhor.

  7. Reinaldo F. Santos

    Agradecer a DEUS até mesmo pelas as adversidades, pois a própria palavra nós afirma , EM TUDO DAI GRAÇA. Que DEUS continue te abençoando.

  8. Almeida Junior

    Muito boa a explicação do salmo 116 – 12, com requintes de detalhes. Vou utilizar para me auxiliar em uma visita que farei amanhã na casa de uma pessoa não evangélica. Obrigado!

  9. A palavra de Deus é rica, independente da minha situação devo ser grata ao Senhor simplesmente porque Ele é Deus gostei muito da explicação do Pr. seja abençoado sempre

  10. Obrigada “Senhor” por todas as graças recebidas. Amém

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s