VENCENDO OS EMPECILHOS.

corrida

Gl 5:7 – Corríeis bem; quem vos impediu, para que não obedeçais à verdade?

Um grupo de judaizantes estava persuadindo aos gálatas (que eram gentios) praticarem a cerimônia da circuncisão que na verdade era só para judeus. Para os gentios que tinham aceitado o evangelho da Graça de Deus seria um retrocesso. Paulo no v. 7 de Galátas 5 compara a vida cristã a uma corrida e pergunta aos gálatas quem foi que os impediu de continuar correndo. Quando entregamos a nossa vida a Jesus começamos a carreira cristã. Durante a carreira podemos enfrentar empecilhos que atravancam a nossa corrida, e até mesmo podem gerar em nós desistência ou retrocesso. Segundo Paulo os gálatas tinham ganhado a liberdade e estavam se colocando novamente em servidão.

Gl 5: 1 – ESTAI, pois, firmes na liberdade com que Cristo nos libertou, e não torneis a colocar-vos debaixo do jugo da servidão.

Voltando a metáfora da corrida e do atleta podemos extrair lições preciosas sobre a carreira cristã. Vejamos outros textos bíblicos que se utiliza desta figura.

1 Co 9: 24- 27. Na carreira cristã é necessário empenho e abstenção. Os atletas desta terra se esforçam para ganhar uma coroa corruptível, já os atletas espirituais ganharão uma coroa incorruptível, assim deve ser grande o empenho e renúncia dos crentes em Jesus. O corpo, os sentimentos precisam estar sobre o domínio do Espírito Santo no crente de tal maneira que o atleta espiritual não venha ser reprovado durante a carreira.

Segundo Hb 12: 1 e 2 na carreira cristã são necessários livrar-se dos embaraços e tropeços, e olhar sempre para a meta – Jesus Cristo. O embaraço não é o pecado. São coisas lícitas, permitidas, mas que em desequilíbrio na vida do crente o atrapalha na carreira. Pode ser uma amizade, um namoro, trabalho, hábitos, que, muitas vezes, ocupam um espaço demasiado de tal forma que causa uma sobrecarga, peso e embaraço ao crente. O tropeço é o pecado que causa queda e tombo no servo de Deus. Uma queda durante a corrida machuca e atrasa, podendo prejudicar seriamente o desempenho do atleta espiritual. O crente deve correr sabendo que tem uma meta: ser semelhante a Cristo. Um dia todo crente em Jesus se tornará semelhante a Ele.

Na carreira cristã é necessário chegar ao final para receber a coroa de grinalda (II Tm 4:7 e 8). O crente deve se lembrar que a carreira cristã aqui na terra tem como objetivo chegar ao final. Não se deve querer parar antes do final. A missão que Deus deu deve ser completada e para isto é preciso empenho e perseverança. Chegando ao final o crente em Jesus receberá a recompensa (galardão). Receberá a grinalda da vitória. Aleluia!

Precisamos aprender com os atletas que se empenham, livram-se dos embaraços e chegam ao final da corrida. Assim o Senhor deseja que seja com a nossa carreira cristã. Continuemos a correr esta carreira até chegarmos lá!

(O autor do artigo é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s