JESUS É O SENHOR !

semjesus

Romanos 10: 13 – Porque todo aquele que invocar o nome do SENHOR será salvo.

Aquele que crê em Jesus como Senhor, em vida, será salvo, depois como consequência viverá sob o Senhorio de Cristo. Deus quer que façamos isto agora, já, o tempo é hoje.

Haverá no futuro uma reunião, no dia do juízo, onde todos dobrarão seus joelhos e confessarão que Jesus é O Senhor. Nesta futura reunião não haverá conversão, mas sim um reconhecimento diante de Deus, onde Ele executará o seu juízo. Portanto, o tempo de reconhecer o Senhorio de Jesus é hoje, e nesta única vida física que temos, pois só assim poderemos fazê-lo e vivermos uma vida agradável a Deus. Creia no Senhor Jesus como Senhor e viva sob este Senhorio!

Jesus ensinou a orar: Venha o teu reino. Significa que devemos reconhecer que Deus é Soberano. Hoje se enfatiza o fato de sermos filhos do Rei, mas a ênfase deveria ser que Deus é Rei. Devemo-nos render ao Senhorio de Deus.

Portanto, devemos ser submissos a Jesus e não pautar a nossa vida pela nossa vontade, necessidades. Jesus ensinou o negar-se a si mesmo, ou seja, renunciar a natureza pecaminosa que é a concupiscência. É ter o ego submisso a Deus. É Cristo viver em nós. É ter nas entranhas o desejo de fazer a Vontade de Deus de tal forma que se torne o nosso alimento.

Ele é O Rei por isto devemos submeter as nossas escolhas hoje. Ponderar nossas decisões a luz da Palavra de Deus. Não deixarmos as emoções ou os desejos em ebulição conduzir a nossa vida, mas ser guiado pelo Espírito em todos os momentos. As decisões geram consequências e direcionamentos do nosso futuro. Portanto, nos submetermos fará com que nossos caminhos e futuro sejam aplanados pelo Senhor.

Ele é O Senhor, portanto a nossa vida afetiva precisa de sua orientação. Desejos, paixões, precisam estar sob o domínio do Espírito em nossa vida. Ações impensadas nesta área pode trazer grandes dores. A afeição a alguém não pode se tornar idólatra a ponto de ocupar o lugar de Deus no coração. Muitos deixam de seguir o caminho de Deus por causa dos atalhos que as afeições tomam tendo situações funestas como consequência.

O Senhorio de Cristo precisa estar presente em nossas amizades. As amizades podem ser boas ou nocivas. Portanto, é necessário que Cristo esteja norteando as influências e rumos que as amizades geram em nossas vidas. Os relacionamentos precisam passar pelo crivo da Vontade de Deus. Não podemos deixar que amizades nos afastem de Deus e resultem em esfriamento da fé.

O senhor de muitas vidas tem sido o dinheiro. Quando Jesus nos ensinou a orar venha o teu reino nos mostrou que os bens, as riquezas, o dinheiro desta terra não pode dominar o nosso coração. Costuma-se dizer que o bolso é a última parte que se converte. Podemos de fato dizer que houve conversão se o dinheiro for um deus na vida da pessoa? Jesus, sendo Senhor, tem que reinar na nossa vida quando a questão é finanças.

Outra questão importante é as ambições, sonhos, projetos que buscamos realizar. Será que eles estão fundamentados em nós mesmos? Será que eles não chocam com o propósito da existência que é a busca pela Glória de Deus? Será que não se tornaram os nossos deuses? Sonhos, ambições, projetos devemos tê-los, entretanto não percamos de vista a Glória de Deus e nem a expansão do Reino de Deus aqui na terra. Seja qual for o seu faça para a Glória de Deus.

Sendo Cristo O Senhor da nossa vida isto desembocará no cumprimento da missão que Cristo deixou. O Senhor Jesus nos deixou uma missão. O testemunho, a influência, a pregação e o envolvimento são partes que compõe o cumprimento desta missão. Não tem como descomprometermos com o Ide, pois é a continuação e o prosseguimento da Obra de Cristo na terra. Jesus sendo nosso Senhor resultará no nosso envolvimento com a evangelização e testemunho acerca de Cristo.

O Senhorio de Cristo de fato e em verdade ultrapassará o discurso, a simples expressão, e desembocará numa entrega total ao cumprimento da Vontade de Deus. Para isto barreiras e dificuldades serão ultrapassadas para que se viva a contento O Senhorio de Cristo em nossas vidas. Jesus é O Senhor! Portanto, urge a necessidade do nosso sacrifício vivo, santo e agradável a Deus.

(O autor do artigo é o Pr. Eber Jamil, dono do blog)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s