A CORRIDA CRISTÃ.

perseveranca

Quem crer em Jesus tem uma corrida a correr. A corrida já está proposta. Começou no momento de nossa conversão. Há testemunhas que nos animam, que são as pessoas que nos antecederam. Hebreus 11 registra algumas dessas testemunhas. Elas completaram a carreira e alcançaram um bom testemunho. Agora é nossa vez!

Temos que correr a corrida com perseverança. Hoje em dia fala-se pouco acerca da perseverança, mas é uma característica dos salvos, daqueles que creram em Jesus. Perseverança é persistir, não desistir, ter tenacidade e afã de prosseguir apesar das circunstâncias serem adversas, pois o mundo jaz do maligno. Quando se tem certeza que está no rumo certo enfrenta-se as dificuldades com mais força. Quem escolheu Jesus não deve olhar para trás, pois o que deixou para trás, não se compara ao caminho que começou em Cristo. A descoberta de Cristo é algo mais valioso que todos os tesouros dessa terra. Quem encontra não vive mais desgarrado. Agora tem O Supremo Pastor, que é Jesus. Portanto, sob o cuidado dEle perseveremos, sem esmorecer.

Dentre muitas coisas nas quais devemos perseverar temos a oração. Alguém já disse que a oração é o oxigênio da alma. Perseverar na oração é perseverar na comunhão com Deus, não abrindo mão da intimidade com Ele. Todas as coisas são conhecidas por Deus, mas Ele estabeleceu a oração como um meio de entregarmos as nossas ansiedades e preocupações ao Pai. Sendo o relacionamento com Deus a essência da oração. Quem persevera na oração mostra que tem Deus como prioridade e que ganhar tempo é utilizar tempo em oração.

A perseverança deve ser também em relação a fidelidade. Ser fiel até a morte! – Ordena a Palavra. Se necessário for, morreremos pela causa de Jesus. São muitas as tentações, mas Deus, que é fiel, não permite que a tentação seja maior que o servo de Deus possa suportar e ainda providencia o escape, que entrará o servo de Deus se assim escolher. A escolha pela fidelidade resultará em mais experiência ao crente, que está trilhando o caminho da maturidade. A escolha pela fidelidade é a mais estreita, mas é o caminho que conduz a vida abundante.

Enfrentamos obstáculos, embaraços e pecados durante a caminhada, mas olhando para o Autor e Consumador da fé, chegaremos lá. Os obstáculos são aquilo que se interpõe entre você e a caminhada. O obstáculo pode lhe fazer parar e não prosseguir, como que estacionando sua vida espiritual. O embaraço é algo que em outra ocasião seria legítimo, mas quando você se envolve de forma demasiada, faz com que a caminhada seja atrapalhada e lenta. O pecado é o desvio, atalho, e o que te faz cair no percurso. Evitemos os três e corramos com perseverança.

A carreira precisa ser corrida com foco em Jesus, o Autor e Consumador da nossa fé. Jesus diante do enfrentamento do sofrimento olhou para a alegria que lhe estava reservada. A alegria de ver seu trabalho sendo realizado e vitorioso. Jesus venceu o pecado, a satanás e a morte. Dando oportunidade aos que creem de alcançarem a salvação de suas vidas já consumada na cruz.

O cristão sabe que ao final da corrida encontrará com O Seu Senhor, que lhe dará o galardão, pelo trabalho realizado, que foi aprovado por Jesus. Tal convicção é tão sublime que ultrapassa os sofrimentos pela causa de Cristo que enfrentamos em nossa corrida. O privilégio de ser um seguidor de Cristo suplanta todas as dificuldades inerentes que enfrentamos. Não desanime, meu irmão, corra com perseverança a carreira que lhe está proposta.

(O autor do artigo é o Pr. Eber Jamil, dono do blog)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s