IGREJA: CORPO DE CRISTO.

corpo de cristo

Uma das maiores figuras para descrever a Igreja é a do corpo. Paulo usa esta figura para a Igreja de Corinto que atravessava uma série de dificuldades que exigiam correção por parte do apostolo e utiliza a figura para outras igrejas mostrando ser esse o seu entendimento sobre o assunto. Nos capítulos de 12 a 14 de primeira Coríntios trata sobre os dons espirituais observando a preocupação com a unidade da Igreja tanto que afirma a Igreja como corpo de Cristo e a superioridade do amor sobre os dons. Ao fazer isto trouxe um amplo conhecimento para as igrejas da época e de todos os tempos sobre a interdependência que todos os servos de Deus possuem em relação aos outros e ao mesmo tempo afirma o Supremo comando de Cristo que é o cabeça da Igreja, Seu corpo.

A origem do corpo humano é divina que criou o ser humano do pó da terra. A origem da Igreja também é divina tendo como fundador Cristo, o Filho do Deus Vivo. Paulo ao usar o corpo como uma figura para a Igreja tinha o entendimento da origem da Igreja e das características semelhantes no modo de ser da Igreja com um corpo.

É importante ressaltar que há muitas igrejas locais e muitas denominações, mas no seu sentido universal há só uma igreja que forma um só corpo. Paulo escreveu: Ora, assim como o corpo é uma unidade, embora tenha muitos membros, e todos os membros, mesmo sendo muitos, formam um só corpo, assim também com respeito a Cristo. Pois todos nós fomos batizados em um Espírito, formando um corpo, quer judeus, quer gregos, quer servos, quer livres, e todos temos bebido de um só Espírito (1 Co 12: 12 e 13). Apesar da diversidade dos membros formamos um só corpo. Como Paulo também enfatizou: Ora, vocês, são o corpo de Cristo, e cada um de vocês, e individualmente, é membro desse corpo (1 Co 12:27). Ainda escreve aos Efésios que: Há um só corpo e um só Espírito, assim como a esperança para qual vocês foram chamados é uma só (Ef 4:4).

Todos os membros do corpo são necessários. Os mais e menos capacitados fazem parte do mesmo corpo. Não podendo haver superioridade, desprezo ou amargura de um para com o outro. Deus distribui cada um dos membros como quis. Paulo enfatiza que aqueles que reputamos como os mais fracos são necessários e Deus deu-lhes honra para que não houvesse divisão no corpo e todos sentissem o mesmo (1 Co 12:15-26).

Vejamos algumas características do corpo;

A interdependência segundo pesquisa no google é estado ou qualidade de duas pessoas ou coisas ligadas entre si por uma recíproca dependência, em virtude da qual realizam as mesmas finalidades pelo auxílio mútuo ou coadjuvação recíproca. Como corpo de Cristo há esta interdependência em seus membros. Romanos 12: 4-5 afirma: Assim como cada um de nós tem um corpo com muitos membros, e esses membros não exercem todas a mesma função, assim também em Cristo nós, que somos muitos, formamos um corpo, e cada membro está ligado a todos os outros.

Uma característica forte do corpo é a unidade de ação. Quando um membro do corpo se move para conseguir certo objetivo, todos os membros se movem no mesmo sentido. Os membros não vivem para si mesmos, mas lutam pelo bem de todo o corpo. Quando uma caneta cai no chão tenho que mover uma série de partes do meu corpo para pegar esta caneta. Assim é com o corpo de Cristo a obra de Deus dependendo da sua especificidade envolve muitos dos seus membros da Igreja ou todos eles.

Outra característica é que nenhum membro vive somente para si mesmo. A mão não trabalha para o seu sustento somente. Paulo escrevendo sobre suas dificuldades no seu trabalho ministerial ressaltou: Agora me alegro em meus sofrimentos por vocês e completo no meu corpo o que resta das aflições de Cristo, em favor do seu corpo, que é a Igreja (Cl 1:24)

Entendes tu isto?

Como alguém que tem fé em Jesus, você faz parte deste corpo, portanto “trabalhe” e “lute” para a manutenção, edificação e crescimento do corpo sabendo que Cristo é O Cabeça. Quando trabalhamos para o corpo trabalhamos para Cristo, o dono do corpo. A Glória é e sempre será dEle.

(O autor do artigo é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s