Arquivo da categoria: Esperança

TRÊS PALAVRAS IMPORTANTES PARA O NOVO ANO.

ano novo

Estamos no início de um novo ano creio que três palavras são importantes nesta ocasião: REFLEXÃO, GRATIDÃO E ESPERANÇA.

A REFLEXÃO é importante porque final de ano é tempo de retrospectiva, de balanço, para avaliarmos como foi o nosso ano. Precisamos ponderar sobre os nossos erros e acertos para planejarmos as nossas ações para o ano que se inicia.

A GRATIDÃO é fundamental. Ser grato pela vida, por mais um ano que Deus concedeu, e mesmo que tenhamos atravessado tempos difíceis a gratidão é sinal de cura, de que apesar das lutas o nosso coração não foi azedado.

A ESPERANÇA é algo que sempre deve nos mover para frente. Teremos, se Deus quiser, mais um ano pela frente. Portanto, a esperança será uma mola propulsora para avançarmos e conquistarmos os propósitos de Deus para nossas vidas.

Minha oração é que nesta virada de ano não te falte REFLEXÃO, GRATIDÃO E ESPERANÇA. Pensemos nestas palavras:

A REFLEXÃO é sempre necessária! Deus quer que façamos um autoexame a respeito da nossa vida para avaliarmos como anda nossa caminhada. Assim é muito pertinente quando isto acontece no término de um ano e no início de outro. Paulo por orientação de Jesus nos disse que antes de participarmos da ceia do Senhor devemos nos examinar a nós mesmos para que possamos discernir o corpo do Senhor que é simbolizado na ceia.

Como o autoexame físico nos ajuda a descobrir certas doenças, por sua vez, a reflexão sobre a nossa vida nos ajuda a pensarmos sobre a qualidade com que vivemos. Como anda a sua vida com Deus e com o próximo? Como foi para você o ano que passou? Quais foram seus erros e acertos? Aonde você precisa melhorar? As perguntas podem se multiplicar!

Creio que datas como estas são momentos para pararmos e avaliarmos o que passou e projetarmos aquilo que virá. Projetarmos de forma sempre dependente de Deus sem arrogância, sem uma autoconfiança exacerbada, mas ciente que sem Deus nada podemos fazer. Faça um autoexame!

Comece outro ano buscando a sabedoria de Deus, pois Ele dá liberalmente e aplique ela em sua vida praticando a prudência, a singeleza e a fé diariamente em todos os seus passos.

A GRATIDÃO precisa ser algo sempre presente em nossas vidas. Ela, sem dúvida, revela muito como está a nossa vida e quem nós somos. Não pode ser coisa do momento, mas uma postura constante. No terminar e iniciar um novo ano temos que ser gratos mesmo que o ano tenha sido difícil e mesmo que as perspectivas para este ano não sejam tão alvissareiras. Paulo recomendou pelo Espírito Santo: Em tudo dai graças, ou seja, nós que estamos em Cristo precisamos em todas as circunstâncias não deixar de ser grato.

A gratidão de quem vive em Cristo mostra que interiormente ele está pacificado e sabe que Deus tem o comando da história. Por mais que enfrentemos as supressas da vida, o fato de estar vivo e mais saber que não vivemos numa solidão existencial porque Deus está conosco em Jesus são razões mais do que suficientes para agradecermos.

Sem dúvida entre ter nascido e não ter nunca existido é preferível ter nascido. Somado o fato de ter sido achado por Deus em Jesus Cristo onde se encontrou o sentido da vida faz com que a vida seja elevada em muito a sua qualidade.

Exercite a gratidão. Pratique-a porque agradará a Deus, beneficiará a si mesmo e abençoará seus relacionamentos. Ela adoça a vida. Mostra que internamente a alma está curada. Gratidão é uma grande palavra para o ano novo!

O calendário, a noção do tempo que temos faz com que muitas vezes naturalmente na virada do ano a nossa expectativa acerca do futuro seja potencializada como se algo acontecesse todas vezes que mudamos de ano. Entretanto, a ESPERANÇA que é esperança supera as datas especiais e persevera em meio aos embates. A figura bíblica da esperança é a âncora, que ajuda ao navio se fixar em meio as dificuldades do mar e aportar em lugar seguro. Sem a âncora o navio fica sujeito aos caprichos do mar, do vento e assim fica a pessoa que não tem esperança à mercê dos ventos e da instabilidade das circunstâncias.

Se de alguma forma a esperança for fragilizada a vida também é. Se a esperança morre em vida é como uma morte em vida acontecesse também. Portanto, apegue-se em Deus e em Sua Palavra que consola e traz esperança. As promessas do Senhor são infalíveis! A partir do momento que cremos em Jesus nascemos de novo e ao nascermos espiritualmente é gerado em nós uma esperança viva porque Jesus Cristo ressuscitou dos mortos.

A esperança cristã não é vaga. Ela vem da fé, que veio da audição da Palavra de Deus, que é a Verdade. Portanto, podemos iniciar mais um ano nos sentindo seguros, pois os que creem em Cristo estão nas mãos dEle. Pode até “chover canivetes”, mas ninguém nos tirará das suas poderosas mãos. Seja bem-vindo Ano Novo!

(O autor do artigo é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).

Anúncios

ANO NOVO: NOVAS OPORTUNIDADES.

Ano-Novo blog

O tempo passa de forma inexorável e não temos controle sobre ele. O que podemos fazer é administrá-lo da melhor forma possível durante o momento em que ele acontece, ou planejar o tempo que possa ainda acontecer de forma sábia.

Com certeza um novo dia traz novas oportunidades. Também podemos falar assim acerca de um novo ano. A virada do ano evidencia o que acontece todos os dias quando o sol se levanta é como se ouvíssemos nesta ocasião: você tem uma nova chance! Um novo ano costuma trazer novas oportunidades e nos inspirar desta forma.

Os pastores antigos costumam dizer que a oportunidade é como um careca de topete quando passa por você é o momento de você segurar o topete porque talvez você não tenha mais oportunidade. Paulo aos Efésios escreveu: Olhai, portanto, cuidadosamente como andais, não como insipientes, mas como sábios, remindo o tempo, porque os dias são maus (5: 15 e 16). A ideia de remissão lembra redenção, lembra salvação. Remir o tempo é aproveitar cada oportunidade.

Temos que tomar cuidado com a procrastinação. Tem pessoas que tem por hábito procrastinar. Nem tudo é para fazer imediatamente, mas nem tudo devemos deixar para depois. O equilíbrio e a sabedoria são importantes. Alguém já disse: “o adiamento é o ladrão do tempo e o ladrão do tempo é o assassino da oportunidade”. É preciso ponderação. Aproveitemos o início de novo ano e aproveitemos esta nova oportunidade.

O passar do tempo, se bem aproveitado, pode se tornar um aliado para uma vida bem vivida, porque somaremos as lições aprendidas das nossas experiências aos desafios que se apresentarem. Gosto muito do salmo de Moisés de número 90 em que ele pede a Deus para ensiná-lo a contar os dias. Aprendamos com o tempo. Os acertos e os erros nos ensinam. Deus em Sua Palavra registrou muitos exemplos de homens, que devem ser seguidos e outros não, quanto ao que fizeram em suas épocas. Na história do próprio Moisés percebemos que ele passou por três tempos de 40 anos: no palácio de faraó, no deserto como pastor e no deserto como líder de um povo. Deus se utilizou das experiências dele e lhe outorgou poder sobrenatural para fazer a obra de Deus. Moisés aprendeu de Deus durante o tempo que viveu.

Valorizemos cada minuto que Deus nos dá. Como era falado na Rádio Relógio Federal: cada minuto que passa é um milagre que não se repete. A valorização pode se dá através da gratidão a Deus. Através da doação de si mesmo a Deus e ao próximo sempre fazendo o melhor enquanto é tempo. A valorização pode se dar através da boa utilização do tempo e gastando-o com o prioritário, necessário e útil.

Consideremos os princípios da Palavra de Deus porque qualquer estilo de vida fora dela é um estilo sem alicerce sólido e eterno. Na vida as tempestades fazem parte, se observarmos das Escrituras teremos a segurança de estar no rumo certo com uma prática adequada. Sem dúvida, o aproveitamento das oportunidades não deve ser de qualquer forma. A Bíblia é o melhor dos manuais, mais eficiente que qualquer GPS e do que o Waze. Aproveitar as novas oportunidades é aproveitá-las com a sabedoria do alto, a sabedoria que Deus dá e revelou em Sua Palavra.

Que neste novo ano com as novas oportunidades seja uma grande ocasião para que nós nos envolvamos com a nossa família, igreja e sociedade de forma agradável a Deus e sábia diante dos homens.

( O autor do artigo é o Pr, Eber Jamil, dono do blog).

NATAL PERMANENTE.

natal1

Por ocasião do natal conceitos vitais como que despertam de um sono de onze meses: família, amor, ajuda ao próximo, fraternidade etc. As pessoas se abraçam, visitam umas às outras, trocam cartões, presentes e refletem sobre o nascimento de Cristo.

Bom seria se o natal não fosse somente nos dias 24 e 25 de dezembro, mas durasse para sempre. Será isto possível? O natal permanente não é papai Noel nos 365 dias do ano, duendes e outros mitos. Não são árvores enfeitadas o ano inteiro, nem comilança e nem ostentação o ano todo. O Natal permanente é:

I – A compreensão do desejo Divino de se aproximar do homem. Mateus falando do nascimento de Jesus cita a profecia de Isaías de que nasceria de uma virgem um menino que se chamaria EMANUEL, que traduzido é Deus conosco. O nascimento de Cristo, que foi a encarnação de Cristo, Deus tomando a forma e a natureza humana, foi o modo de Deus aproximar-se do homem que estava morto em delitos e pecados. O natal permanente é ter o entendimento que Deus enviou Seu Filho Jesus para religar o homem a Ele. Para tanto Jesus precisou ser concebido no ventre de Maria ser crucificado, mas a morte não venceu, Ele ressuscitou ao terceiro dia.

II – É crer que Jesus é o único mediador entre Deus e os homens. O natal permanente acontece quando o homem crê na obra do amor de Deus ao enviar Jesus, Seu filho, para religar o homem com Ele, e que Seu Filho Jesus é o único meio desta religação acontecer. Jesus disse: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim”. Quem crê em Jesus como Salvador, como único caminho para Deus torna-se filho de Deus por adoção, portanto tendo comunhão com Deus. Vivendo um natal permanente.

III– É quando o nascimento de Cristo deixa de ser um acontecimento histórico e passa a ser uma experiência pessoal. Meu pai na época do natal quando atendia o telefone falava: Jesus nasceu em Belém e nasce na gente também. Quando a pessoa crê em Jesus como Salvador, Cristo deixa de ser apenas uma tradição recebida e passa se relacionar com Ele de forma real e pessoal. É o que a Bíblia chama de Novo Nascimento. A pessoa quando crê em Jesus nasce de novo, nasce espiritualmente tornando-se uma nova criatura havendo um natal permanente.

IV– É ter O Espírito Santo habitando porque crê em Jesus. A partir do momento em que se crê em Jesus a pessoa recebe O Espírito Santo, se assim não fosse não seria de Cristo. O Espírito Santo passa habitar no corpo e tal fato acontece conforme Jesus prometeu que voltaria ao Pai, mas não deixaria seu povo só, e que enviaria O Espírito Santo Consolador para estar com eles. O natal é permanente com O Espírito habitando.

V– É quando a pessoa passa a ter um relacionamento próximo e íntimo de Cristo. A pessoa pela fé uniu-se a Cristo e passa ter Jesus como Seu Supremo Pastor. Onde ela conhecerá voz do Pastor que já conhece sua voz A pessoa cultivará a meditação na Palavra de Deus e a oração fazendo que sua vida sempre seja renovada e sempre tenha uma celebração da comunhão com Deus. O salmo 23 termina prometendo que na vida das ovelhas a bondade e a misericórdia do Senhor as seguirão por todos os dias das suas vidas. Isto é natal permanente!

VI– É quando se vive todos os dias as prioridades que Cristo deixou. Jesus nos disse para irmos em busca de ovelhas que não estão no aprisco dele. Mandou-nos fazer discípulos e integrá-los pelo Batismo nas águas promovendo o amadurecimento dessas pessoas para que possam ir, discipular e integrar outras pessoas também no corpo. Ao dar estas prioridades Jesus prometeu estar conosco todos os dias até a consumação dos séculos, ou seja, nos prometeu um natal permanente. Com as prioridades acertadas teremos um natal permanente.

VII– É crer que o relacionamento com Cristo é eterno.  Aquele que crê em Jesus recebe a Vida Eterna e de maneira nenhuma Ele o lançará fora. A vida que começou na fé em Jesus não fica inconclusa, porque Deus não deixa nada pela metade. Uma vez em Cristo sempre em Cristo. O Relacionamento com Ele é eterno, portanto o natal é permanente.

Quero concluir colocando a letra de um cântico antigo que fala sobre o natal permanente que vive aquele que crê em Jesus:

Sempre é natal para mim (2 x)

A minha vida é uma festa sem fim

Sempre é natal para mim

 

A cada momento meu Jesus meu Senhor

No meu coração bate com esplendor

Oh! Que alegria e que gozo sem fim

Sempre é natal para mim

 

Sempre é natal para mim (2 x)

A minha vida é uma festa sem fim

Sempre é natal para mim

 

Sim, Jesus nasce a todo instante

Quando o crente é fiel e constante

Glórias a Deus pois eu sinto assim

Sempre é natal para mim

 

Sempre é natal para mim (2 x)

A minha vida é uma festa sem fim

Sempre é natal para mim

(O autor do artigo é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).

O NATAL E O FOCO DE INCÊNDIO.

foco de incendio

Quando pensamos em natal pensamos em nascimento, felicidade, paz, fraternidade, família reunida e muitos mais predicados positivos que a data traz à lembrança. Quando analisamos o primeiro natal vamos encontrar esses elementos, mas não houve só calmaria na época natalina. Uma forte oposição se levantou contra o nascimento de Cristo tendo como protagonista Herodes, o grande, rei da Judéia.

Como estava nos planos de Deus, a encarnação de Cristo, Herodes não conseguiu matar Jesus ainda infante. Haveria de chegar no tempo de Deus a crucificação de Cristo, mas não era a hora. Aquele não era o tempo da morte e ressurreição de Jesus. O natal foi tempo do seu nascimento, mas como na vida, nem tudo foram flores, entre anjos, pastores, magos, animais e estrela houve como que um incêndio em Belém, houve uma matança de crianças por parte de Herodes de dois anos para baixo. Uso a figura do incêndio como uma metáfora. Porque houve uma combustão no coração de Herodes. Houve um foco de incêndio em seu coração. Num incêndio real e atual entre as causas habituais podemos destacar falhas ou avarias nas instalações elétricas, acidentes com velas, cigarros ou outras fontes de calor. Com Herodes o foco da combustão no seu coração foi o orgulho. Ele ordenou uma matança pela espada de crianças tentando atingir o Salvador porque viu o seu poder ser ameaçado.

Herodes é um tipo de satanás. Ele foi influenciado pelo espírito luciferiano. Ele como monarca desfrutou de uma impunidade quase absoluta. Um dos seus primeiros atos no governo foi assassinar quarenta e cinco membros do Sinédrio. Também matou seu sogro e cunhado. Forjou um julgamento para matar sua esposa Mariana, e depois matou três de seus filhos. César Augusto disse que era melhor ser porco de Herodes do que seu filho (porque ele não comia carne de porco). Herodes, um pouco  antes de  morrer, mandou matar as pessoas mais representativas do seu reino para que houvesse choro no dia de sua morte. Morreu aos setenta anos e ao invés de choro houve alegria por parte do povo no dia da sua morte. Jesus nasceu no fim da vida de Herodes, quando esse julgava seus rivais eliminados, e quando suas perturbações domésticas chegaram ao auge. Com o nascimento de Jesus o orgulho e inseguro Herodes perturbou-se e satanás usou a vaidade de Herodes como um foco de incêndio para tentar impedir o nascimento do Messias.

Nem sempre entendo a palavra orgulho como algo pernicioso. Creio que num sentido benigno a palavra pode significar um certo amor-próprio ou contentamento por alguma conquista. Não creio que eu erre ao dizer que tenho orgulho da minha filha por quem ela é. Entretanto, creio que o orgulho na maioria das vezes pode ser soberba, que desagrada a Deus e faz com que Ele resista tal pessoa. A Bíblia chama isto de soberba da vida, que foi uma das causas do primeiro pecado do homem, que quis conhecer o bem e o mal como Deus conhecia comendo do fruto proibido. C. S. Lewis tem uma frase interessante: “o orgulho é a galinha sob a qual todos os outros pecados são chocados”. No caso de Herodes sua soberba, seu amor ao poder, seu orgulho e vaidade foi um foco de incêndio numa ocasião majestosa que foi o nascimento de Cristo. No salmo 19 o salmista Davi pede no versículo 13: Também da soberba guarda o teu servo, para que se não assenhoreie de mim. Então serei sincero, e ficarei limpo de grande transgressão. Davi chama de grande transgressão a soberba, que acaba se assenhorando da pessoa. Foi o lastimável caso de Herodes.

Tal espírito é tão distante da singeleza, e beleza do natal, do seu significado, mas como vimos no primeiro natal, tal espírito satânico se opôs frontalmente ao Espírito Santo que gerou no ventre de Maria, Jesus, O Filho de Deus, Emanuel, o Salvador. Mas, a soberba, o orgulho, a jactância, não venceram Jesus. Aliás na Bíblia vemos que Faraó, Manassés, Senaqueribe, Nabucodosor, Golias, a família Herodiana e tantos outros foram até onde Deus permitiu ir. Não prevaleceram contra Deus. Herodes, o Grande, mesmo tendo obsessão pelo trono não conseguiu vencer aquele que nasceu numa estrebaria e foi deitado numa manjedoura. Os soberbos deste mundo que esbravejam seus poderes para todo mundo ouvir como Hitler, Stalin e tantos outros se prostrarão diante daquele que tomou a forma de homem e nasceu em Belém. É o que está escrito em Filipenses capítulo 2: 5 – 11:

De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, Que, sendo em forma de Deus, não teve por usurpação ser igual a Deus, Mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens; E, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de cruz. Por isso, também Deus o exaltou soberanamente, e lhe deu um nome que é sobre todo o nome; Para que ao nome de Jesus se dobre todo o joelho dos que estão nos céus, e na terra, e debaixo da terra, E toda a língua confesse que Jesus Cristo é o Senhor, para glória de Deus Pai.

Neste natal entenda a importância de você andar em humildade com o teu Deus. Procure ter o mesmo sentimento que houve em Cristo Jesus. No livro de Miquéias que profetiza sobre o nascimento de Cristo na pequenina Belém mostra o que Deus deseja de nós neste natal e sempre no capítulo 6:6-8:

Com que me apresentarei ao Senhor, e me inclinarei diante do Deus altíssimo? Apresentar-me-ei diante dele com holocaustos, com bezerros de um ano? Agradar-se-á o Senhor de milhares de carneiros, ou de dez mil ribeiros de azeite? Darei o meu primogênito pela minha transgressão, o fruto do meu ventre pelo pecado da minha alma? Ele te declarou, ó homem, o que é bom; e que é o que o Senhor pede de ti, senão que pratiques a justiça, e ames a benignidade, e andes humildemente com o teu Deus?

Não é pirotecnia religiosa soberba que Deus quer. Ele quer que creiamos nEle e em Seu filho que Ele revelou.  Havendo fé genuína haverá coração contrito que Deus não rejeita. No natal não podemos ir na contramão do Deus que tomou a forma humana e nasceu numa estrebaria. Se queres andar com Deus só pode ser em fé e humildade.

(O autor do artigo é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).

 FRASES POSTADAS NO TWITTER 64

evangelho.png

23 de jul

Quem tem Jesus como alvo terá a perspectiva do amanhã. Não é uma protelação espiritual, mas uma certeza que o futuro está nas mãos d Deus

24 de jul

Se não houver uma atitude de dependência de Deus na pregação, Deus não aceitará a prática por mais que seja eloquente.

25 de jul

Aquilo que podemos encontrar no mundo não resolve a questão da eternidade. O homem já nasce com o desejo pela eternidade e só Deus pode suprir

26 de jul

O crente deve lutar pelas causas certas que envolvem a defesa e a divulgação do Evangelho. Sempre com uma boa dose de bom senso e firmeza.

27 de jul

Ter as prioridades corretas determinarão o bom ou mau andamento da nossa vida. Quando coisas secundárias ocupam a primazia não andamos bem.

28 de jul

É importante lembrar que a duração da nossa vida na terra não sabemos. Portanto, não adiemos a decisão de lembrar e temer a Deus em tudo.

29 de jul

Seguir a Palavra não é só segui-la quando de alguma forma satisfaz anseios, mas obedece-la também quando é contrária a vontade da nossa carne

30 de jul

A mensagem do evangelho não é irreal nem ilusória. É dum realismo porque além de nos trazer fé, esperança e amor, mostra a vida como é.

31 de jul

Educar é semelhante ao trabalho do semeador.Tem que haver um trabalho anterior a semeadura como as escolhas das sementes e preparação da terra

1 de ago

Quando se ouve alguém a pessoa ouvida se sente acolhida, respeitada, pois os seus tesouros estão sendo expostos e valorizados como são.

(O autor das frases é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).

FRASES POSTADAS NO TWITTER 63.

 

evangelizaçao

Não queremos que a Igreja se torne uma peça de museu nem Deus a fundou para isto. A missão é pregar o evangelho a toda criatura. 13\06\2017

Jesus, sendo Deus, tem o poder de revigorar o cansado. Se ele ressuscita até mortos não tem poder para renovar uma pessoa cansada? Claro que tem. 15\06\2017

Para que a Igreja de Cristo cresça com solidez é preciso cumprir a ordem de Jesus: “ide e fazei discípulos”. Não há como ser diferente. 16\06\2017

O crente em Jesus deve se sentir seguro, pois ele passará por provas, mas será aprovado. Ele pode claudicar, até cair, mas levantará! 17\06\2017

Cumprindo seu papel a Igreja de proclamar a Palavra fará diferença neste mundo como o sal faz diferença na comida e a luz faz nas trevas 18\06\2017

Ao se aproximar da Bíblia com humildade e dependência de Deus aprenderás e te conduzirás de forma acertada. Ela é lâmpada para nossos pés. 19\06\2017

O olhar do crente não é um olhar ensimesmado. Quem vive olhando para o seu próprio umbigo anda na contramão da vontade de Deus. 20\06\2017

Fazer o bem é um bom lema para a vida. Sem priorizar a recompensa. Fazê-lo de forma altruísta. Fazer principalmente a quem não pode retribuir. 21\06\2017

A Igreja recebe a capacidade de Deus de vencer e de perseverar. Sempre há um remanescente fiel, como acontecia com o povo de Israel no Antigo Testamento. 25\06\2017

A morte que tira a esperança de muitos não tira a esperança do justo. A Bíblia diz que o justo tem esperança até na morte. Tal esperança é viva – 26\06\2017

(O autor das frases é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).

FRASES POSTADAS NO TWITTER 62.

cruz

As pessoas que vivem numa roda-viva da avareza precisam ver a importância que damos para O Senhor e como o amor aos bens não nos dominam 16\05\2017

 

Nós que cremos em Cristo podemos nos sentir seguros, pois O Evangelho tem fundamento sólido. Tanto que podemos construir nossa vida nEle. 17\05\2017

 

Se porventura você está desanimado atente para as páginas da Bíblia e observe como os servos de Deus enfrentaram lutas e tenha bom ânimo. 18\05\2017

 

A vida de Deus não é mera letra, ou teorização, ela é poderosa, eterna, e está acompanhada de virtudes dadas pelo Espírito Santo. 19\05\2017

 

Não se engane não há solução vinda do homem para a salvação. Somente Cristo é o único caminho para se chegar a Deus! Não entre pelos atalhos! 20\05\2017

 

A verdadeira paz não é ausência de problemas, mas é a quietude interior que enfrenta as circunstâncias com esperança e otimismo. 21\05\2017

 

O Deus que enviou Jesus para nos salvar nos dá poder para vivermos a vida aqui na terra enquanto o porvir não chega. 22\05\2017

 

A evangelização e a oração precisam caminhar juntas. Alguns semeiam, outros intercedem para que os corações sejam preparados para a semeadura 23\05\2018

 

Os “instantes” de dúvida, muitas vezes, nos trazem uma sensação de serem eternos, mas passam. Eterna é a vida que temos em Jesus! Fique firme! – 24\05\2017

 

O desespero às vezes bate a nossa porta, ou parece querer arrombar a porta da nossa vida, mas devemos nos aquietar porque Deus tem o controle – 25\05\2017

(O autor das frases é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).