Arquivo da categoria: Liderança

CORRENDO BEM A CARREIRA CRISTÃ.

corrida do cristao

A vida cristã por vezes é comparada a uma corrida. Usando esta comparação Paulo pergunta aos Gálatas: vós corríeis bem; quem vos impediu de continuardes a obedecer à verdade? (Gl 5:7) Ele fez esta pergunta porque havia um pequeno grupo de judaizantes que estava persuadindo aos gálatas a praticar a cerimônia da circuncisão que na verdade deveria ser somente para os judeus, pois para os gentios que tinham aceitado o evangelho da Graça de Deus seria retroceder ao legalismo judaico, pois a circuncisão era um sinal visível da aliança que Deus tinha feito com os judeus e não com os gentios. Para os gentios seria colocar-se debaixo da servidão da lei a qual ninguém consegue cumprir cabalmente, pois todos são pecadores. Paulo asseverou, portanto: “Estai, pois, firmes na liberdade com que Cristo nos libertou, e não torneis a meter debaixo do jugo da servidão” (Gl 5:1).

É preciso empenho e abstenção de tudo que possa embaraçar a corrida da carreira cristã. O inimigo tenta atrapalhar, o mundo é antagônico, a carne deseja o pecado, empecilhos aparecem, variados obstáculos surgem, que podem comprometer a nossa caminhada, mas devemos seguir a carreira de forma resoluta. Quem começou a corrida tem que ter como objetivo chegar ao final, mas até lá muitas águas correm debaixo da ponte e obstáculos precisam ser vencidos.

Pretendo discorrer algumas observações sobre esta carreira que todo o crente participa que começou no início da fé findando na consumação dela.

Como atletas de Cristo é necessário empenho, abstenção e disciplina na carreira cristã que não são atitudes isoladas, mas na força e na companhia do Espírito Santo dispensadas por Jesus, o autor e consumador da fé. São os valores e bens eternos que motivam a carreira. O atleta visa uma coroa corruptível, mas o servo do Senhor a incorruptível. O crente em Jesus tem propósito. Não é alguém que não sabe para onde está indo e para alcançar seu objetivo apresenta seu corpo como sacrifício vivo, santo e agradável a Deus prestando um culto racional ao Senhor e sendo aprovado durante a carreira. O servo do Senhor não participa da carreira como se fosse um treino, mas encara como de fato é, a carreira cristã viva e real (1 Co 9:24 – 27; Rm 12: 1 e 2 e Jo 14: 16 – 18).

Nesta carreira muitos já correram e concluíram. Os que estão percorrendo o fazem como que rodeados de uma grande nuvem de testemunhas que lhes antecederam. Devem evitar os embaraços que podem ser até coisas lícitas, mas que atrapalham o bom desenvolvimento da corrida quando em demasia. Os soldados alistados pelo Senhor não devem se embaraçar com a vida civil, mas cumprir a vocação de combatentes agradando ao Senhor que alistou. O pecado que nos rodeia é outro que maleficamente atrapalha a carreira e por isto deve ser também evitado. Alguns tropeçam e caem por causa dele trazendo sobre si prejuízos e sofrimentos. Quem corre pelo Senhor deve sempre olhar para o exemplo de Cristo que tudo suportou e superou para cumprir a carreira proposta pelo Seu Pai (Hb 12:1-4; 2 Tm 2:4 e 5). Assim devemos fazê-lo olhando para Jesus.

Uma vez iniciado a carreira cristã o servo de Deus tem como objetivo terminá-la, ou seja, chegar ao final. Deus não deixa a Sua Boa obra em nós pela metade. O que Ele começa, conclui. É nosso dever ter certeza que estamos lutando o bom combate do Senhor e combatê-lo até o fim guardando a fé que surgiu da audição da Palavra de Deus e permanece conosco (II Tm 4:7 e 8).

A igreja da Galácia havia começado a carreira, mas recebeu influências que minaram a caminhada de fé fazendo com que deixassem de correr bem. Da nossa parte o foco deve ser o mesmo do início – Jesus, perseverando, nos abstendo como atletas disciplinados, deixando os embaraços, o pecado que atrapalha e concluir a boa corrida cristã.

Paulo alcançou em sua própria vida aquilo que recomendou aos gálatas. Ele combateu o bom combate, acabou a carreira e guardou a fé. A nossa vida seja inspiradora também, pois muitos enfrentam dificuldades na carreira cristã e eles precisam ver em nós exemplos de boas caminhadas e bons combates, que não ficam paralisados no meio do caminho ou embaraçam-se chegando a conclusão da carreira como servo bom e fiel.

(O autor do artigo é o Pr Eber Jamil, dono do blog).

Anúncios

IGREJA: CORPO DE CRISTO.

corpo de cristo

Uma das maiores figuras para descrever a Igreja é a do corpo. Paulo usa esta figura para a Igreja de Corinto que atravessava uma série de dificuldades que exigiam correção por parte do apostolo e utiliza a figura para outras igrejas mostrando ser esse o seu entendimento sobre o assunto. Nos capítulos de 12 a 14 de primeira Coríntios trata sobre os dons espirituais observando a preocupação com a unidade da Igreja tanto que afirma a Igreja como corpo de Cristo e a superioridade do amor sobre os dons. Ao fazer isto trouxe um amplo conhecimento para as igrejas da época e de todos os tempos sobre a interdependência que todos os servos de Deus possuem em relação aos outros e ao mesmo tempo afirma o Supremo comando de Cristo que é o cabeça da Igreja, Seu corpo.

A origem do corpo humano é divina que criou o ser humano do pó da terra. A origem da Igreja também é divina tendo como fundador Cristo, o Filho do Deus Vivo. Paulo ao usar o corpo como uma figura para a Igreja tinha o entendimento da origem da Igreja e das características semelhantes no modo de ser da Igreja com um corpo.

É importante ressaltar que há muitas igrejas locais e muitas denominações, mas no seu sentido universal há só uma igreja que forma um só corpo. Paulo escreveu: Ora, assim como o corpo é uma unidade, embora tenha muitos membros, e todos os membros, mesmo sendo muitos, formam um só corpo, assim também com respeito a Cristo. Pois todos nós fomos batizados em um Espírito, formando um corpo, quer judeus, quer gregos, quer servos, quer livres, e todos temos bebido de um só Espírito (1 Co 12: 12 e 13). Apesar da diversidade dos membros formamos um só corpo. Como Paulo também enfatizou: Ora, vocês, são o corpo de Cristo, e cada um de vocês, e individualmente, é membro desse corpo (1 Co 12:27). Ainda escreve aos Efésios que: Há um só corpo e um só Espírito, assim como a esperança para qual vocês foram chamados é uma só (Ef 4:4).

Todos os membros do corpo são necessários. Os mais e menos capacitados fazem parte do mesmo corpo. Não podendo haver superioridade, desprezo ou amargura de um para com o outro. Deus distribui cada um dos membros como quis. Paulo enfatiza que aqueles que reputamos como os mais fracos são necessários e Deus deu-lhes honra para que não houvesse divisão no corpo e todos sentissem o mesmo (1 Co 12:15-26).

Vejamos algumas características do corpo;

A interdependência segundo pesquisa no google é estado ou qualidade de duas pessoas ou coisas ligadas entre si por uma recíproca dependência, em virtude da qual realizam as mesmas finalidades pelo auxílio mútuo ou coadjuvação recíproca. Como corpo de Cristo há esta interdependência em seus membros. Romanos 12: 4-5 afirma: Assim como cada um de nós tem um corpo com muitos membros, e esses membros não exercem todas a mesma função, assim também em Cristo nós, que somos muitos, formamos um corpo, e cada membro está ligado a todos os outros.

Uma característica forte do corpo é a unidade de ação. Quando um membro do corpo se move para conseguir certo objetivo, todos os membros se movem no mesmo sentido. Os membros não vivem para si mesmos, mas lutam pelo bem de todo o corpo. Quando uma caneta cai no chão tenho que mover uma série de partes do meu corpo para pegar esta caneta. Assim é com o corpo de Cristo a obra de Deus dependendo da sua especificidade envolve muitos dos seus membros da Igreja ou todos eles.

Outra característica é que nenhum membro vive somente para si mesmo. A mão não trabalha para o seu sustento somente. Paulo escrevendo sobre suas dificuldades no seu trabalho ministerial ressaltou: Agora me alegro em meus sofrimentos por vocês e completo no meu corpo o que resta das aflições de Cristo, em favor do seu corpo, que é a Igreja (Cl 1:24)

Entendes tu isto?

Como alguém que tem fé em Jesus, você faz parte deste corpo, portanto “trabalhe” e “lute” para a manutenção, edificação e crescimento do corpo sabendo que Cristo é O Cabeça. Quando trabalhamos para o corpo trabalhamos para Cristo, o dono do corpo. A Glória é e sempre será dEle.

(O autor do artigo é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).

QUANDO O ORGULHO ATRAPALHA.

orgulho

O orgulho atrapalha e continua atrapalhando. Relacionamentos arruinados, empresas em bancarrotas e Países a beira do colapso por causa do orgulho. Desde Adão e Eva têm sido assim na história da humanidade. Por desejarem conhecer igual a Deus eles pecaram. Segundo o apostolo João a soberba da vida é um dos fatores que levam o homem a pecar como foi com o primeiro casal. Em nossa sociedade o  orgulho movimenta em boa parte os desejos e as atitudes da maioria que remam em sentido contrário a Deus. Tentando construir reinos privados que visam a glória de si mesmos em detrimento do Reino de Deus.

Diótrefes é um homem na Bíblia que atrapalhou o bom andamento da Obra do Senhor. Ele queria ter a primazia na Igreja a qualquer custo. Discordou de João não por causa do ponto de vista doutrinário, mas por ambição pessoal. Rebelou-se contra a autoridade apostólica de João, que tinha escrito uma carta para igreja que recomendava a Igreja hospedar missionários. Diótrefes destruiu a carta, impediu que os irmãos recebessem missionários e ainda expulsava os que o recebiam. Proferia palavras para impedir que alguém tivesse a primazia na Igreja que não fosse ele. Ele viu os missionários como uma ameaça ao seu primado. John Stot afirmou que a vaidade pessoal ainda está na raiz da maioria das dissensões em toda a Igreja local.

O povo de Edom também andou pelo caminho do orgulho. Eles se vangloriaram da derrota do povo de Deus para os babilônios, também ajudaram o inimigo e aproveitaram a oportunidade para roubar em Jerusalém (Ob v.13) Eles vivam nas cavernas das rochas, lá no alto das montanhas e por isso pensavam que nunca seriam derrotados, mas foram derrubados por causa do juízo Divino. O profeta Obadias profetizou sobre o pecado do povo e da consequente destruição que sofreriam.

Nabucodonozor foi um grande rei do Império Babilônico quando Babilônia estava no seu apogeu. Ele mesmo avisado por Deus para não fazê-lo se vangloriou da glória que teve deleitando-se na própria soberba e conquista. O orgulho foi um laço para ele que lhe atrapalhou. Deus executou um juízo na vida de Nabucodonozor que foi tirado do trono, do convívio com os homens e viveu 7 anos como um animal fora do Palácio ao relento sendo molhado pelo orvalho.

Poderia citar muitos mais exemplos de como o orgulho atrapalha a si mesmo, aos outros e afronta a Deus. Deus resiste aos soberbos e dá graças aos humildes. Devemos cultivar a humildade, que é o mesmo sentimento que houve em Cristo Jesus. O humilde entende que as primeiras posições são posições servidoras. É para servir a Deus e ao próximo que se é colocado na liderança, e não para ser utilizar egoisticamente das prerrogativas visando somente seu próprio benefício.

Os discípulos de Cristo também apresentaram dificuldades em compreender a diferença do modo de viver de Cristo em relação a outros líderes religiosos do seu tempo. Enquanto, os religiosos buscavam a glória dos homens Jesus buscava a Glória de Deus. Houve em alguns momentos entre os discípulos discussões por disputas de posições no futuro reino esperado por eles. Jesus usou como exemplo uma criança para falar de humildade e ensiná-los sobre a grandeza do Reino dEle.  Em outra ocasião Tiago e João pediram a Jesus que eles ocupassem uma posição de honra no Reino dEle e Jesus disse que não era assim, que a grandeza do Reino dEle era servir, que o menor seria o maior, e que Ele próprio não veio para ser servido, mas para servir. Foi conhecendo seus discípulos que Jesus antes de ser preso na ceia lavou os pés dos discípulos e recomendou que eles fizessem a mesma coisa que ele, ou seja, que tivessem uma vida de serviço a Deus a ao próximo e não cedessem ao orgulho vão.

Na verdade, até os dias de hoje ainda há esta tensão. O orgulho continua atrapalhando. Pessoas servem a Cristo com mente secularizada em busca de ascenção social por meio da religião. Tão diferente de Cristo que serviu, se doou e não se utilizou da popularidade para se regalar e tirar benefícios. A carta aos Filipenses que é uma carta de agradecimento mostrou que mesmo numa igreja boa acontecem contendas por causa do orgulho. A recomendação de Paulo foi que eles tivessem o mesmo sentimento de Cristo Jesus, que sendo Deus, não fez valer seus direitos a força, mas tomou a forma de servo e por isto a exaltação veio de Deus e não por meios compulsórios. A humildade precede a honra mesmo que o humilde não priorize a honra como faz o soberbo, que prioriza a glória vã e passageira, e cuja soberba precede sua destruição.

(O autor do artigo é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).

FRASES POSTADAS NO TWITTER 60.

download

21 Jan – Se estamos no Reino de Deus renunciamos os nossos desejos pecaminosos para que desfrutemos do Reino e outros vejam o Governo de Deus em nós.

22 de Jan – Quando um crente deixa de se comprometer com a obra de evangelização deixa de realizar aquilo que mais toca no coração de Deus.

23 de Jan – O Cristianismo não fala sobre o amor Divino como algo que faça parte de um discurso, mas como algo que é essência da fé cristã.

24 de Jan- Sejamos gratos por nossos corações que experimentaram o Novo Nascimento nos dando a disposição de obedecer ao Senhor.

25 de Jan – A Bíblia deve ser lida todos os dias e isto tem ênfase nas igrejas. Mas, é importante observar que a Palavra de Deus deve ser também ouvida.

26 de Jan – A cultura do descartável não está só nos objetos. O pragmatismo é um vício nas relações. Somos interesseiros e descartamos pessoas facilmente.

27 de Jan – Nem só de pão vive o homem, mas o alimento que veio de Deus, Jesus, este supre a sede essencial que é a de Deus.

28 de Jan – Não podemos apoiar aos outros sentido-nos acima deles, e nem se comparando, julgando o outro abaixo de você por estar enfrentando isso.

29 de Jan – A vida que o Jesus nos dá é mais do que a sobrevivência. É vida guiada. É vida protegida. É vida alimentada. É vida doada por Ele. É vida abundante.

30 de Jan – Líderes apontaram caminhos, defenderam ideologias, apresentaram soluções, mas diferentemente de todos Jesus disse que Ele próprio é o caminho.

 

(O autor das frases é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).

A CORRIDA CRISTÃ.

perseveranca

Quem crer em Jesus tem uma corrida a correr. A corrida já está proposta. Começou no momento de nossa conversão. Há testemunhas que nos animam, que são as pessoas que nos antecederam. Hebreus 11 registra algumas dessas testemunhas. Elas completaram a carreira e alcançaram um bom testemunho. Agora é nossa vez!

Temos que correr a corrida com perseverança. Hoje em dia fala-se pouco acerca da perseverança, mas é uma característica dos salvos, daqueles que creram em Jesus. Perseverança é persistir, não desistir, ter tenacidade e afã de prosseguir apesar das circunstâncias serem adversas, pois o mundo jaz do maligno. Quando se tem certeza que está no rumo certo enfrenta-se as dificuldades com mais força. Quem escolheu Jesus não deve olhar para trás, pois o que deixou para trás, não se compara ao caminho que começou em Cristo. A descoberta de Cristo é algo mais valioso que todos os tesouros dessa terra. Quem encontra não vive mais desgarrado. Agora tem O Supremo Pastor, que é Jesus. Portanto, sob o cuidado dEle perseveremos, sem esmorecer.

Dentre muitas coisas nas quais devemos perseverar temos a oração. Alguém já disse que a oração é o oxigênio da alma. Perseverar na oração é perseverar na comunhão com Deus, não abrindo mão da intimidade com Ele. Todas as coisas são conhecidas por Deus, mas Ele estabeleceu a oração como um meio de entregarmos as nossas ansiedades e preocupações ao Pai. Sendo o relacionamento com Deus a essência da oração. Quem persevera na oração mostra que tem Deus como prioridade e que ganhar tempo é utilizar tempo em oração.

A perseverança deve ser também em relação a fidelidade. Ser fiel até a morte! – Ordena a Palavra. Se necessário for, morreremos pela causa de Jesus. São muitas as tentações, mas Deus, que é fiel, não permite que a tentação seja maior que o servo de Deus possa suportar e ainda providencia o escape, que entrará o servo de Deus se assim escolher. A escolha pela fidelidade resultará em mais experiência ao crente, que está trilhando o caminho da maturidade. A escolha pela fidelidade é a mais estreita, mas é o caminho que conduz a vida abundante.

Enfrentamos obstáculos, embaraços e pecados durante a caminhada, mas olhando para o Autor e Consumador da fé, chegaremos lá. Os obstáculos são aquilo que se interpõe entre você e a caminhada. O obstáculo pode lhe fazer parar e não prosseguir, como que estacionando sua vida espiritual. O embaraço é algo que em outra ocasião seria legítimo, mas quando você se envolve de forma demasiada, faz com que a caminhada seja atrapalhada e lenta. O pecado é o desvio, atalho, e o que te faz cair no percurso. Evitemos os três e corramos com perseverança.

A carreira precisa ser corrida com foco em Jesus, o Autor e Consumador da nossa fé. Jesus diante do enfrentamento do sofrimento olhou para a alegria que lhe estava reservada. A alegria de ver seu trabalho sendo realizado e vitorioso. Jesus venceu o pecado, a satanás e a morte. Dando oportunidade aos que creem de alcançarem a salvação de suas vidas já consumada na cruz.

O cristão sabe que ao final da corrida encontrará com O Seu Senhor, que lhe dará o galardão, pelo trabalho realizado, que foi aprovado por Jesus. Tal convicção é tão sublime que ultrapassa os sofrimentos pela causa de Cristo que enfrentamos em nossa corrida. O privilégio de ser um seguidor de Cristo suplanta todas as dificuldades inerentes que enfrentamos. Não desanime, meu irmão, corra com perseverança a carreira que lhe está proposta.

(O autor do artigo é o Pr. Eber Jamil, dono do blog)

FRASES POSTADAS NO TWITTER 20.

proposito4

26 de jun

O perdão é uma operação profunda na vida de alguém. É como a retirada de um objeto intruso no interior do corpo de uma pessoa.

27 de jun

Não ame o dinheiro. As pessoas valem mais. Deus tem que ser o primeiro. Deus nos livre da ganância !!!

28 de jun

Temos que avançar para as coisas que em Cristo Jesus estão diante de nós. Olhando fixamente para o alvo, que é Jesus.

29 de jun

Descobrir o propósito da existência humana elevará tudo para o nível do sagrado. Não haverá mais sagrado ou secular, tudo será sagrado.

30 de jun

Certamente se esquecermos de Deus em alguma fase da vida pagaremos o ônus por tal esquecimento. Semearemos mal, por isto colheremos mal.

1 de jul

O louvor a Deus precisa ser mais do que cânticos, precisa ser vida, conduta e caráter. Deus tem alegria em ser louvado por seus filhos.

2 de jul

Quando ouvirdes a mensagem da salvação não feche o coração, abra e deixe a mensagem da cruz entrar. Assim a sua vida não será a mesma.

3 de jul

Quem responder o mal com o mal perecerá, não frutificará e receberá mais desprezo como resultado. O amor é o caminho da cura,da restauração.

4 de jul

Talvez você se sinta incapaz,mas o fato é que Deus capacita. Talvez você se sinta indigno,mas o fato é que a Escolha dEle é segundo a Graça.

5 de jul

Muitas vezes as bênçãos e provisões divinas envolvem a nossa participação.Deus nos dá a graça de participarmos da solução que buscamos.

(O autor das frases é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).

FRASES POSTADAS NO TWITTER 16

mudancas

7 de mai

Jesus realizou muitos milagres e solucionou problemas, mas não queria ser conhecido como um milagreiro ou um mero solucionador de problemas

9 de mai

A vida cristã é mais do que evitar os males deste mundo, mas uma luta pelo avanço do Reino de Deus na terra.

11 de mai

A avareza,segundo a Bíblia, é idolatria. Leva ao desvio da fé e traz muitos males.Jesus deve ser O Senhor das nossas vidas e não o dinheiro.

12 de mai

A Vida Eterna que temos em Cristo é superior a vida que o homem conhece. Jesus se referiu a ela como Vida Abundante.

13 de mai

No coração do nascido de novo não cabe o ódio. Quem odeia perece. Não frutifica. Recebe o ódio de volta.

14 de mai

Quando a adversidade vier, que nos encontre com uma fé sólida, alicerçada e verdadeira no Senhor Jesus. A religião sem fé é crença.

15 de mai

Muitos precisam de avivamento a nível ministerial. Às vezes o desânimo tomou conta e o obreiro encontra-se sem vigor e motivação.

16 de mai

Procrastinar pode ser definitivo. Adiar algo pode ocasionar a perda da oportunidade. É preciso ponderar se é melhor adiar ou não.

17 de mai

A vida cristã não é isenta de decepções, mas precisamos ter sempre como alvo a Glória de Deus. Se Deus é glorificado, fiquemos satisfeitos.

18 de mai

A maioria dos homens pensam que todo o sofrimento é causado diretamente pelo pecado. Já a Bíblia mostra que não é assim.

(O autor das frases é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).