Arquivo da categoria: Espírito Santo

CORAÇÃO REGENERADO.

Novo-Coração

Muitos quando se aproximam da mensagem do Evangelho depositam sua fé na Igreja,e aproximam do cristianismo depositam sua fé na vida social que a mesma proporciona, no pastor etc. Mas quando o problema chega, abandonam a fé. É como um terreno com uma camada fina de pedras, com cascalhos por baixo. É um coração superficial, que recebe com o entusiasmo a palavra, mas murcha, quando vem o sol da angústia, da perseguição, e abandona as fileiras. É um coração sem raízes profundas. No primeiro momento não dá para perceber isto porque a pessoa manifesta um entusiasmo e uma vontade de fazer tudo ao mesmo tempo, que parece uma fé real, mas não persevera.

Por situações semelhantes a esta, pessoas tendem acreditar que a salvação se perde depois de ter acontecido a regeneração. Porém, a parábola do semeador contada por Jesus deixou bem claro que estas pessoas na verdade não se converteram. A Palavra de Deus tem o poder de mostrar o que não se vê pela aparência. Pessoas que parecem ter gás total acabam mostrando que o que tinha era um entusiasmo passageiro.

O coração de quem se converte enraíza-se no Senhor. Portanto, persevera. Tal pessoa tem segurança. O maior dos milagres aconteceu, que é o novo nascimento. A pessoa recebeu um novo coração, uma nova natureza e foi liberta da escravidão do pecado. Agora o pecado é eventual. Não se vive mais na prática habitual dele.

O coração regenerado é frutífero. Mostra a fé que se tem. Tiago asseverou que a fé sem obras é morta. Havendo tempo hábil o crente que nasceu de novo mostrará que sua fé e genuína. Não escrevo que não possa apresentar dificuldades, pois perfeição só na glorificação, mas a fé verdadeira se visibiliza. Abraão creu e isto foi imputado como justiça. Abraão passou por provas e perseverou mostrando que sua fé era real.

Ao recebermos Jesus o amor de Deus foi derramado em nosso coração com a presença do Espírito Santo. Assim o nascido de novo que tem uma capacidade natural de amar recebe o amor de Deus como fruto que dá uma capacidade além da natural de amar. Um amor que se torna a marca identificadora no caráter do crente que é nascido de novo.

Uma nova natureza, uma nova estrutura recebe o nascido de novo que é tão diferente daquela que tem o superficial. O superficial é comandado pela alma, pela concupiscência, mas o nascido de novo é dirigido pelo Espírito de Deus que habita nele influenciado a alma e a mordomia do corpo. De maneira nenhuma as características do nascido de novo são sustentadas por ele mesmo. É obra de Deus. É milagre do Senhor. É obra do Espírito Santo. Não é mérito pessoal.  Quando Jesus foi crucificado e ressuscitou conquistou a vitória sobre satanás e sobre a opressão do domínio do pecado. Quem crer nEle recebe a libertação, a salvação e deixa de ser escravo do pecado e recebe a vida eterna.

O sinal que houve a libertação é o arrependimento. A tristeza segundo Deus, a confissão de pecados, o abandono deles e a nova conduta mostram realmente que houve uma mudança, mostra que é um novo coração. Com diz o ditado: o traje não faz o monge. Não adianta algo aparente, somente exterior, um entusiasmo sem raízes, é preciso mesmo que tenha ocorrido uma mudança, e o verdadeiro arrependimento demonstra isto.

Este novo coração é uma necessidade universal. O homem já nasce pecador e inclinado ao pecado. Davi quando teve esta consciência pediu ao Senhor um coração puro e um espírito inabalável, ou seja, um coração regenerado. O Espírito Santo é que faz esta obra. Abra seu coração para Jesus e Ele te dará pelo Espírito Santo um coração purificado que terá uma disposição de obedecer a Deus e fazer a Sua vontade.

(O autor do artigo é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).

Anúncios

FRASES POSTADAS NO TWITTER 58.

imagens-posts-blog

01\01\2017 – A consciência do amor Divino por nós traz segurança necessária para exercemos a nossa confiança nas demandas da vida.

02\02\2017 – Seja qual for a situação podemos contar com a Bondade e a graça de Deus. Não crie mecanismos de fuga da vida mesmo enfrentando situações difíceis.

03\01\2017 – Promessas feitas na Bíblia se cumpriram várias gerações seguintes. Mostrando que a história não está solta e que Deus tem cumprido a Sua vontade.

04\01\2017 – Servir a Deus não é uma negação da vida, mas pelo contrário, é de fato viver, encontrar o vértice de toda história, que é Jesus Cristo.

05\01\2017 A imprevisibilidade da vida é para todos. Então seja qual for a idade pode se manifestar a fé em Deus tendo já consciência para tal.

06\01\2017 – Na vida a estabilidade, moderação são fundamentais. Viver ancorado num mundo turbulento é essencial. Vive assim quem confia em Deus.

07\01\2017 – A consagração a Deus envolve tudo. Não somente o culto. É necessário reconhece-lo em todos os nossos caminhos, e assim endireitará nossas veredas.

08\01\2017 – A vida pessoal com Deus tem reflexo nos relacionamentos interpessoais e sendo bem vivida trará um testemunho positivo para o próximo.

09\01\2017 – Devemos cumprir em nossa geração a vocação missionária que nós temos. Sempre lembrando de cultivar nas crianças a visão missionária desde cedo.

10\01\2017 – Como servos de Cristo precisamos ter nas entranhas a necessidade de fazer a vontade do Pai. A Vontade de Deus não pode ser um complemento.

(O autor das frases é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).

RECEBENDO UM NOVO CORAÇÃO.

coracaodepedra

O coração, antes de Cristo, é endurecido cujo entendimento está cego por satanás. A pessoa não compreende as coisas espirituais com o espírito, mas tem uma compreensão natural das coisas. A pessoa é dirigida por sua própria alma, que está rendida as concupiscências, escrava do pecado e de satanás. O coração endurecido é agrilhoado ao pecado. É um rendido. No máximo que acontece é a pessoa exercer uma força de vontade em seguir os preceitos de Deus, vivendo regra por regra, mas sempre fracassará porque ninguém na carne consegue agradar e justificar-se diante de Deus.

A pessoa recebe influências do pensamento que domina esse mundo que a mantém aprisionada ao pecado. O sistema de pensamento que domina o mundo é maligno. Dando, muitas vezes, a impressão de ser libertário, humanista, mas são sofisticações satânicas, que alimentam a concupiscência humana e justificam seus pecados dando camadas de vernizes ideológicos.

O endurecimento também acontece por causa de uma resistência que a pessoa faz em relação a Palavra de Deus, em relação a ação do Espírito Santo no coração. A pessoa ouve, mas resiste. O Espírito Santo convence, mas a pessoa resiste ao convencimento. Deus é o Deus das oportunidades, mas muitos escolhem não aproveitar e endurece o coração em relação a Obra do Espírito Santo.

O endurecimento e a cegueira espiritual não são resolvidos pela própria pessoa. Ela não cura a si mesma. Só com a audição da Palavra de Deus e o convencimento do Espírito que o coração pode ser quebrantado. A Bíblia conta a história de Lídia, que era uma pessoa religiosa, mas não conhecia a Deus, enquanto Paulo pregava Deus abriu o coração dela para que ela entendesse a pregação. É O Espírito Santo que realiza esta obra. Se O Espírito não convencer a pessoa não entende e nem aceita. O próprio Paulo, que antes era conhecido como Saulo, que era um extremo religioso que perseguia os cristãos, teve um encontro com Jesus que mudou toda a sua vida. A iniciativa da salvação é sempre de Deus. Deus amou o mundo primeiro e decidiu enviar Seu Filho para resgatar a humanidade, recebendo a salvação aquele que crê.

A pessoa crendo em Jesus passa pela experiência do Novo Nascimento, onde ocorre a mudança do coração, agora não mais endurecido feito pedra, mas um coração de carne, que tem uma nova natureza que ama a Deus, deseja obedecê-lo, e que pode entender as coisas espirituais, que antes não enxergava e nem compreendia. Davi, certa vez, pediu: Cria em mim, ó Deus, um coração puro, e renova em mim um espírito estável. Tal milagre é o Novo Nascimento, segundo Jesus Cristo.

Diz o ditado que o coração é terra onde ninguém pisa, mas O Espírito quando convence e é recebido adentra no coração e o torna terreno fértil para as coisas de Deus. Agora o nascido de novo responderá o pecado cometido com o arrependimento. Deus o chama para uma vida que caminha para a perfeição, que será segundo a imagem de Jesus Cristo.  É necessário nesta caminhada ter como bússola a Palavra de Deus e a companhia do Espírito que habita no crente dirigindo pelo caminho que é Jesus. A vida não é mais egocêntrica, mas cristocêntrica. Quer se coma ou beba é a Glória de Deus que é almejada. O coração regenerado é transformado e seguro, pois o sacrifício feito por Jesus foi perfeito. O fato dEle ter ressuscitado mostra o poder da Vida de Deus, que é a Nova Vida que recebemos, o Novo coração, que mesmo atravessando dificuldades a pessoa nascida de novo está nas mãos de Deus de onde não poderá ser tirada.

(O autor do artigo é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).

FRASES POSTADAS NO TWITTER 57

jesus_cristo_natal

A vida com Deus não só tem o sentido direcionado para Ele, mas também para o próximo. Jesus deixou claro com os dois mandamentos quando Ele resumiu a lei – 29\12\2016

O amor natural não é como o amor que vem de Deus. O amor de Deus é um fruto do Espírito Santo, e só tem o fruto quem tem o Espírito Santo. 28\12\2016

Pelo poder de Deus o homem chega mais longe do que chegaria naturalmente. 27\12\2016

Jesus, O nosso Senhor, deixou-nos o exemplo, como Homem confiou em Deus, dependeu do Espírito Santo e andou pelo caminho da humildade. 26\12\2016

É de suma importância entender que a fraternidade presente no natal não pode se resumir a festa. Jesus veio para dar vida em abundância. 25\12\2016

Se você tem vivido momentos conturbados renove sua esperança em Jesus. Assim, a Luz dEle te dará alento para venceres as dificuldades da vida 24\12\2016

A simplicidade do verdadeiro natal mostra a Grandeza de Deus. O Eterno tomou a forma humana em circunstâncias tão singelas mesmo sendo Deus. 23\12\2016

É tão bom saber que Deus acolhe os que o buscam de todo o coração recebendo-os com seu amor incomparável. 22\12\2016

A questão é conhecermos a Deus porque o meu conhecimento dEle é que influenciará o modo como cuido daquilo que Ele me deu.21\12\2016

Creio que entre muitas virtudes O Espírito nos confere ousadia, coragem, porque a oposição do mundo é uma realidade. 20\12\2016

(O autor das frases é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).

PERSEVERANÇA DOS SALVOS.

perseveranca5

Uma das grandes marcas de uma Igreja cheia do Espírito Santo é a perseverança, constância na comunhão, no partir do pão, na doutrina dos apóstolos, na prática da evangelização etc.

 
Enquanto a marca do mundo é a inconstância, volubilidade, a Igreja anda na contramão dessa tendência, pois está fundamentada na rocha imutável que é Cristo.  A Igreja é composta por homens que nasceram de novo, que podem eventualmente cair, mas se acontecer, serão levantados e perseverarão no final.

Em suas fileiras também há pessoas não genuínas, que não tiveram a experiência do novo nascimento. Vivem no engano. Não passarão no dia do juízo. Mas, aquele que realmente faz parte da igreja persevera apesar do contrafluxo do mundo.

A perseverança por parte do salvo acontece porque o crente em Jesus nasceu de novo, ou seja, o maior milagre aconteceu na vida dele. Ele deixou de ser escravo do pecado para ser servo de Cristo. Por isto o seu coração regenerado responde com arrependimento os pecados cometidos. Pode até ocorrer uma demora em fazê-lo, mas ocorrerá. Tudo isto pelo poder transformador de Deus realizado na vida da pessoa que creu nEle.

O justo tem sua vida iniciada pela fé e toda sua carreira que tem transcorre em fé. Alguns abandonam a carreira, desistem, mas na verdade não tiverem de fato um início genuíno. Muitos se aproximam do corpo de Cristo sem de fato um dia pertencê-lo. Podem até ser batizados, mas não se converteram.  A membresia em uma igreja local não faz ninguém salvo. Só aqueles que nascem da Palavra de Deus e do Espírito de fato se converteram e terão como fruto a perseverança.

Depois da conversão a posição espiritual mudou. Deixou-se de estar sob o domínio de satanás e passou a viver em Cristo. Uma vez em Cristo sempre será de Cristo. Agora habita-se, espiritualmente falando, nas regiões celestes em Cristo Jesus. Como disse Pr. Adriano de Castro Magalhães não se fica dançando minueto no céu: entrando e saíndo de lá. Se está em Cristo e no céu, estará de forma definitiva. Portanto, os salvos perseveram, apesar de às vezes acontecer problemas na caminhada.

A nova natureza recebida  é um novo coração espiritual que faz com que haja reprovação do pecado que se aprovava e aprovação do que rejeitava das coisas espirituais. Em Cristo de fato ocorre uma mudança interior, que se reflete na postura dainte da vida e no modo  como enxerga as coisas. A nova natureza é espiritual gerada pelo Espírito Santo na vida do que crê, que passa a ter a vida de Deus, e que agora se alimenta da Palavra de Deus.

O nascido de novo persevera e por isto pertence ao grupo daquele que conclui a carreira. O crente em Jesus não será uma obra inacabada. Chegará até a glorificação onde será semelhante a Jesus. Tal feito é obra de Deus, que operou a poderosa salvação naquele que crê. O salvo não é daqueles que se perde na jactância, mas é daqueles que caminham em humildade sabendo que o Poder de Deus é quem capacita caminhar e concluir.

(O autor do artigo é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).

NOVA VIDA.

novavida2

Em nossa vida cristã precisamos aprender que precisamos desaprender. Quando nascemos de novo o antigo modo de viver é abandonado. Passamos a viver de uma nova maneira. O pensamento muda. Tal mudança é resultado do Novo Nascimento, que é espiritual, que ocorreu quando se ouviu a Palavra de Deus, e creu, assim O Espírito Santo nos fez nascer de novo.

É uma nova vida que como uma criança precisará de alimento para desenvolver-se e crescer, tendo a garantia de segurança eterna, pois é vida eterna. Uma nova vida que se desenvolverá com o processo da santificação dia após dia. Vivendo um dia de cada vez antevendo a Glória prometida.

Só aprenderá a desaprender a pessoa humilde. É preciso reconhecer que os pensamentos da velha vida que nos dominavam não são mais por quais devemos ser guiados. Portanto, a carreira cristã deve ser vivenciada com humildade e submissão a Deus e a Sua Palavra. Sempre dispostas a avançar para as coisas de Deus e deixar as coisas que não são. O pensamento secular que graça nesse mundo não dita mais a nossa conduta. São os princípios da Palavra de Deus que são nossos parâmetros.

Agora se vive num mundo visível, atentando para um mundo invisível, pois se vive agora pela fé. A realidade espiritual outrora obscurecida nos foi revelada através de Cristo, que nos deu capacidade de aprender a Sua Palavra, a doutrina que deve conduzir a nossa vida. A Palavra não só é um manual de vida prático, mas também a revelação do que há no mundo espiritual que os nossos olhos não veem. Proporcionando-os uma vida esclarecida em todos aspectos. Portanto, a nossa mente precisa ter sido transformada e disposta a passar por uma renovação constante.

Outra importante questão é o que valorizamos, o que somos apegados, o que consideramos como princípios da vida. Sem dúvida antes de Cristo no nosso pensamento entenebrecido não tínhamos a clareza da Vontade de Deus, pois éramos dominados pela ditadura da nossa própria alma. Com a conversão a ditadura acabou, mas se tornou necessário aprender a viver com a prevalência e influência do espírito sobre a alma. A vida com Deus prepondera sobre os aos desejos da alma.

Portanto, a vida que agora se vida é pela fé, Fé em Jesus, e em Sua Palavra, que revela O Seus Triúno. Num mundo onde as circunstâncias são tão alternantes a fé em Jesus traz estabilidade como também a âncora da esperança. A fé está fundamentada, pois é alicerçada na Palavra de Deus que tem sido comprovada por várias gerações. Não vivemos mais pelas emoções, circunstância, mas pelo que cremos.

Uma vida que entende que o Temor a Deus deve nortear todos os passos. Pois, todos os salvos prestarão contas de suas obras. Sendo salvos pela Graça, mas galardoados ou não pelas obras. O temor é o princípio da sabedoria e fará com que a vida trilhe caminhos certos em meio a tanta incerteza nesse mundo. O temor leva a prática de uma vida sábia que precisamos. Saber discernir por onde anda, saber para onde vai, andar em passo seguros, é tudo o que precisamos.

Rejeite uma vida sincrética que mistura o antigo modo de viver secular com a nova vida em Cristo. Você é nova criatura. Portanto, viva o novo e seja transformado pelo Espírito Santo a cada dia numa pessoa mais parecida com Jesus abandonando as velhas coisas e vivendo as novas. Precisamos desaprender a cada dia o velho modo de pensar e ser santificado pelos pensamentos de Deus que estão na Palavra.

(O autor do artigo é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).

MERGULHO EM DEUS.

oracao43

A oração é uma das grandes práticas cristãs, mas é mais do que isto. Oração é sinal de vida. Oração é oxigênio. A oração é relacionamento com Deus. É um dos momentos mais sublimes da vida porque é um diálogo entre o servo de Deus e seu Pai Celestial, criador de todas as coisas. A oração é como um mar sem fim em nossa frente ou nadamos, ou ficamos anelando sem nunca de fato experimentarmos.

A oração deve ser feita a Deus através do nome de Jesus movida pelo Espírito Santo. A Deus porque Ele é O Pai, que governa todas as coisas, e é sua vontade que buscamos. Em nome do Filho porque Jesus é o mediador, sem Ele não chegamos a Deus. Movidos pelo Espírito porque Ele de fato nos ajuda a orar de forma mais eficiente. A oração para ser oração tem que ser a Deus (Pai) e por Deus (Jesus) e pela vontade de Deus (O Espírito intercede).

Precisa ser feita com fé, porque aquele que dúvida é levado pelos ventos das circunstâncias. A fé é o modo de enxergar o invisível, tendo convicção da resposta segundo a Vontade de Deus. A fé são as mãos que estendemos para receber as respostas das nossas orações. A fé precisa ser constantemente alimentada pela Palavra, porque a fé vem pelo ouvir a Palavra de Cristo. Quando isto acontece a oração não é baseada em meras conjecturas, mas naquilo que Deus revelou. A nossa fé não se baseia no visível, mas é a certeza das coisas que se esperam e a prova das coisas que não se veem. A nossa fé está fundamentada na Palavra de Deus. Se alguém tem dificuldade de crer confesse ao Senhor a sua incredulidade e apegue-se a Palavra de Deus porque nela está registrado aquilo que devemos crer. A Palavra descortina o mundo espiritual, que é alcançado por meio da fé em Jesus. Peça com fé, sem duvidar, como está escrito em Tiago, e Deus te atenderá sem te lançar em rosto.

A questão também é se o que pedimos está de acordo com a vontade de Deus. Hoje em dia os pedidos são pragmáticos e não visam o reino de Deus na terra. São voltados para o aqui e agora e não se lançam sementes para a eternidade. Esses tipos de orações revelam que temos muitos ídolos e que giramos a nossa vida espiritual em torno deles. Tem aparência de piedade, mas são orações a si mesmo. A oração verdadeira é aquela que tendo entendimento da Soberania de Deus busca depositar nas suas mãos a própria vida para que a Vontade de Deus seja feita.

A oração não é um desencargo de consciência. Não é uma fuga da realidade. Ela precisa ser verdadeira e acompanhada de uma vida que é uma oração também. A própria palavra indica que oração é a ação de orar. Então a prática de uma vida cristã é fundamental e nela está incluída a oração. Aquele que desobedece a Palavra de Deus frontalmente tem sua oração considerada abominação. Não pense que receberá de Deus alguma coisa. A oração precisa estar alinhada com uma vida que segue a Palavra de Deus, pois ama a Deus e guardará a sua palavra. E a medida que guarda as Suas palavras e nela medita pede segundo a Vontade de Deus e é atendido.

A vida de oração não pode ser procrastinada. Ela precisa ser o combustível que faz uma vida crescer na intimidade com Deus e que faz diferença onde está inserido. É algo que não é apenas um ideal que não se alcança, mas uma prática cotidiana. É preciso mergulhar em Deus. Ir fundo. A oração é o meio para isto sempre tendo a Palavra como prática de uma vida genuína com Deus. Não seja daqueles que aspiram, desejam e não praticam. Não seja daqueles que sonham, mas não alcançam. Mergulhe em Deus. Mergulhe na oração.

(O autor do artigo é o Pr. Eber Jamil, dono do blog).